MENU

"Agora é tempo para erguer nossa nação das areias movediças da injustiça racial e da discriminação para a pedra sólida da fraternidade." (Rev. Martin Luther King Jr.)

Sejam bem-vindos ao NEGOSPEL!

O que vem a ser o NEGOSPEL? - NEGOSPEL é um MOVIMENTO NEGRO EVANGÉLICO virtual e, ou, presencial cuja missão é de conscientizar os afrodescendentes e interessados no assunto quanto à sua historicidade, identidade, autovalorização e espaço tanto do ponto de vista histórico-teológico como étnico-sócio-racial lutando, assim, pela reparação nas áreas supra-citadas dentro de um recorte racial justo e verdadeiro ante às inúmeras injustiças resultantes na atual estratificação social. Portanto, continue conosco interagindo e divulgando nosso trabalho e muito obrigado pela sua visita!

Afroabraços,

Henrique Coutinho.



quinta-feira, 3 de setembro de 2015

"NAVIOS NEGREIROS DO SÉCULO XXI".

Poucas matérias ou documentários sérios encontramos a respeito do extermínio do povo africano, vítimas de "imigração" forçada que se traduz em um verdadeiro tráfico humano genocida que trafega pelos desertos e oceanos amontoados em embarcações clandestinas. Milhares de negros (homens, mulheres e crianças) têm morrido nesses "navios negreiros do século XXI" e, como se não bastasse, rejeitados por países europeus o que não é nenhuma novidade! Onde estão os movimentos humanitários? Os movimentos negros? Os postulantes de discursos dos Direitos Humanos e apologia à Igualdade Racial? Não irão se manifestar? Negro não é gente? Deve morrer "no atacado"? Quem se importa com isso? Quem perde o sono ou se incomoda com isso? Segundo dados da ONU, cerca de 1 milhão de africanos do Norte da África morrem no percurso imigratório. Quem se comove com isso? Mas se fossem europeus e, ou, americanos que morressem o alarde midiático estaria formado e massificado por todos os meios de comunicação de manhã, de tarde e de noite, até que algo fosse feito a favor desses. Será que nossos irmãos africanos não merecem o mesmo respeito e consideração? Pensemos nisso.


quinta-feira, 2 de julho de 2015

2 DE JULHO - A VERDADEIRA INDEPENDÊNCIA DO BRASIL NA BAHIA!...

A comemoração do dia 2 de Julho é uma celebração às tropas do Exército e da Marinha Brasileira que, através de muitas lutas, conseguiram a separação definitiva do Brasil do domínio de Portugal, em 1823. Neste dia as tropas brasileiras entraram na cidade de Salvador, que era ocupada pelo exército português, tomando a cidade de volta e consolidando a vitória.
Entre todas as comemorações, a do ano de 1849 teve um convidado muito especial. O marechal Pedro Labatut, que liderou a tropas brasileiras nas primeiras ofensivas ao Exército Português, participou do desfile, já bastante debilitado e sem recursos financeiros, mas com a felicidade de homenagear as tropas das quais fez parte.Esta é uma data máxima para a Bahia e uma das mais importantes para a nação, já que, mesmo com a declaração de independente, em 1822, o Brasil ainda precisava se livrar das tropas portuguesas que persistiam em continuar em algumas províncias. Então, pela sua importância, principalmente para os baianos, todos os anos a Bahia celebra o 2 de Julho. Tropas militares relembram a entrada do Exército na cidade e uma série de homenagens são feitas aos combatentes.
Para chegar a este dia, muita luta foi travada...
O Brasil do início do século XVIII ainda era dominado por Portugal, enquanto o Rio de Janeiro, Pernambuco, Minas Gerais e a Bahia continuavam lutando pela independência. As províncias não suportavam mais a situação e, percebendo os privilégios que o Rio de Janeiro estava recebendo por ser a capital, Pernambuco e Bahia resolveram se rebelar.
Recife deu início a uma revolução anti-colonial em 6 de março de 1817. Esta revolução tinha uma ligação com a Bahia, já que havia grupos conspiradores compostos por militares, proprietários de engenhos, trabalhadores liberais e comerciantes. Ao saber desta movimentação, o então governador da Bahia, D. Marcos de Noronha e Brito advertiu alguns deles pessoalmente.
O governo estava em cima dos conspiradores e, devido à violenta série de assassinatos, muito baianos resolveram desistir. Com toda esta repressão, a revolução de Recife acabou sendo derrotada. Os presos pernambucanos foram trazidos para a Bahia, sendo muitos fuzilados no Campo da Pólvora ou presos na prisão de Aljube, onde grande personagens baianos também estavam presos.
Movimentação pela independência:
Diante das insatisfações, começaram as guerras pela independência. Os oficiais militares e civis baianos passaram a restringir a Junta Provisória do Governo da Bahia, que ditava as ordens na época, e com esta atitude foi formado um grupo conspirativo que realizou a manifestação de 3 de Novembro de 1821.
Esta manifestação exigia o fim da Junta Provisória, mas foi impedida pela "Legião Constitucional Lusitana", ordenada pelo coronel Francisco de Paula e Oliveira. Os dias se passaram e os conflitos continuavam intensos. Muitos brasileiros morreram em combate.

Força portuguesa:
No dia 31 de Janeiro de 1822 a Junta Provisória foi modificada. E depois de alguns dias, chegou de Portugal um decreto que nomeava o brigadeiro português, Ignácio Luiz Madeira de Mello, o novo governador de Armas.
Os oficias brasileiros não aceitavam esta imposição, pois este decreto teria que passar primeiro pela Câmara Municipal. Houve, então, forte resistência que envolveu muitos civis e militares.

Madeira de Mello não perdeu tempo e colocou as tropas portuguesas em prontidão, declarando que iria tomar posse. No dia 19 de fevereiro, os portugueses começaram a invadir quartéis, o forte São Pedro, inclusive o convento da Lapa, onde haviam alguns soldados brasileiros. Neste episódio, a abadessa Sónor Joana Angélica tentou impedir a entrada das tropas, mas acabou sendo morta.

Concluída a ocupação militar portuguesa em Salvador, Madeira de Mello fortaleceu as ligações entre a Bahia e Portugal. Assim a cidade recebeu novas tropas portuguesas e muitas famílias baianas fugiram para as cidades do recôncavo. 
Contra-ataque brasileiro:
No recôncavo, houve outras lutas para a independência das cidades e o fortalecimento do exército brasileiro. O coronel Joaquim Pires de Carvalho reuniu todo seu armamento e tropas e entregou o comando ao general Pedro Labatut. Este, assim que assumiu, intimidou Madeira de Mello.
Labatut organizou todo seu exército em duas brigadas e iniciou uma série de providências. Aos poucos o exército brasileiro veio conquistando novos territórios até chegar próximo a cidade de Salvador.
Madeira de Mello recebeu novas tropas de Portugal e pretendia fechar o cerco pela ilha de Itaparica e Barra do Paraguaçu. Esta atitude preocupava os brasileiros, mas os movimentos de defesa do território cresciam. E foi na defesa da Barra do Paraguaçu que Maria Quitéria de Jesus Medeiros se destacou, uma corajosa mulher que vestiu as fardas de soldado do batalhão de "Voluntários do Príncipe" e lutou em defesa do Brasil.

Em maio de 1823, Labatut, em uma demostração de autoridade, ordenou prisões de oficiais brasileiros, mesmo sendo avisado do erro que estava cometendo, e acabou sendo cassado do comando e preso. O coronel José Joaquim de Lima e Silva assumiu o comando geral do Exército e no dia 3 de Junho ordenou uma grande ofensiva contra os portugueses. Com a força da Marinha Brasileira, o coronel apertou o cerco contra a cidade de Salvador, que estava sob domínio português, restringindo o abastecimento de materiais de primeira necessidade. Diante destes fortes ataques e das necessidades que estavam passando, Madeira de Mello enviou apelos e acabou se rendendo. Com a vitória, o Exército Brasileiro entrou em Salvador consolidando a retomada da cidade e fim da ocupação portuguesa no Brasil.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

TRÊS TEORIAS DAS RELAÇÕES HUMANAS.


A primeira teoria é a conhecida TEORIA DO FARISEU que diz: "O QUE É MEU É MEU!" Essa diz respeito ao um caráter egoísta, individualista e umbilical. Diz respeito a pessoas que, como diz o adágio baiano, "SÓ SE COÇAM PRA DENTRO". Pessoas que não estão nem aí para a necessidade do outro nem para a dor do seu próximo. SÓ PENSAM EM SI e, "prosperidade" pra elas, não consiste em repartir com quem não tem, mas em "ajuntar e acumular em celeiros". O outro que se exploda! Essa é a ideia.
A segunda teoria é a TEORIA DO LADRÃO que diz: "O QUE É SEU É MEU!" Essa diz respeito a um caráter usurpador, plagiador e estelionatário. Refere-se àquela pessoa que gosta das coisas fáceis sem lhe custar nenhum esforço laboral. São ávidas pelo bônus em detrimento do ônus.
A terceira e mais rara é a TEORIA DO BOM SAMARITANO que diz: "O QUE É MEU É SEU!" Essa diz respeito a um caráter altruísta e serviçal; a um caráter, totalmente, despojado do materialismo egoísta e do capitalismo selvagem; a um caráter que vê o outro como gente valorosa, não como objeto de consumo nem trampolim promocional cujo lema é: "o que você tem é mais importante do que o que você é!" Ao invés disso, A TEORIA DO BOM SAMARITANO nos remete a um estilo de vida cujo serviço anônimo ao próximo é marca indelével de um caráter, essencialmente, Crístico, posto que sua práxis é a de estar nesse mundo PARA SERVIR, não para ser servido.
Ditas essas coisas, cabe-nos uma emergente pergunta reflexiva: COM QUAL OU QUAIS DESSAS TEORIAS MAIS NOS IDENTIFICAMOS?
Henrique Coutinho.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Morre em acidente aéreo Myles Munroe e esposa.


Reply segunda-feira, novembro 10, 2014 A+ A-
O acidente vitimou Munroe (60) , a esposa Ruth e  a filha Charis.  O casal tinha mais um filho, Myles Jr. que não estava no acidente. 
O mundialmente conhecido escritor e líder do Ministério da Fé de Bahamas, Myles Munroe, e sua esposa Ruth morreram em acidente aéreo na tarde deste domingo nas Grand Bahamas.
No acidente morreram também a filha do casal, Charis Munroe (O casal tinha mais um filho, Myles Jr.)  e mais seis pessoas. Segundo relatos, o avião particular do pastor se chocou com um grande guindaste de carga em um estaleiro das Bahamas e se despedaçou no pátio em frente. O Lear Jet 36 executivo fazia um curto trajeto entre Nassau (capital das Bahamas) e Freeport (a segunda maior cidade do arquipélago), onde o Myles Munroe organizava um evento sobre liderança com início marcado para  segunda-feira (10/11).
De acordo com a versão online do Caribbean News Desk, o choque com o guindaste ocorreu as 17:10h (horário local) quando o jato fazia a aproximação para pouso no Grand Bahama International Airport . O mal tempo pode ter contribuído para o acidente. A fotografia a seguir foi tirada minutos antes da decolagem do voo fatídico e mostra as pessoas que morreram no acidente. O mega pastor Munroe era um dos expoentes do movimento "Palavra da Fé" e arrecadava fortunas em campanhas, seminários de liderança, venda de livros e aparições em todo o mundo. A audiência presencial de suas palestras motivacionais atingia a marca de 500.000 pessoas por ano.
Munroe esteve algumas vezes no Brasil a foi recepcionado inicialmente, por Robson Rodovalho da Sara Nossa Terra, a quem muito influenciou em seu caminho pela teologia da prosperidade e, num segundo momento, por Silas Malafaia que o recebeu em seus programas e congressos e editou alguns de seus livros no Brasil. Em função disto, as obras de Munroe vendiam muito bem no país. Avida que segue
O ministério de Myles Munroe estava organizando entre os dias 10-13 deste mês um fórum mundial de liderança em Freeport, Bahamas onde eram esperadas milhares de pessoas e convidados internacionais, muitos dos quais, já se encontravam no local do evento no momento da divulgação do acidente. A página do ministério noticiou ontem a noite a morte do líder e informou aos seus seguidores que o evento iniciando hoje não seria cancelado, segundo a página: "esta seria a vontade do Dr. Munroe". Nesta segunda-feira, a página amanheceu com milhares de mensagem de condolências.
A teologia de Munroe:
Munroe colocava ênfase em suas palestras e livros sobre o Reino de Deus e defendia uma escatologia pós milenista, em versão um tanto heterodoxa, que promovia o caminho da construção neste tempo de um reino de paz e amor universal, um paraíso na terra, mas em um contexto triunfalista, aos moldas da teologia da prosperidade.
Outros dois pontos polêmicos dos ensinos de Munroe incluíam: (1) uma compreensão de inspiração novaerista propondo a divisão da pessoa do Senhor entre Cristo e Jesus (Em seu livro "como compreender seu potencial", o autor escreveu "Jesus foi a manifestação humana do Cristo celestial" e "Quando queremos encontrar Cristo, Deus nos mostrará a Igreja. Entretanto, nós não podemos aceitar isso, porque acreditamos que Cristo está no céu. Não, ele não está. Jesus está no céu"). A sã doutrina é que em Cristo há uma só pessoa com duas naturezas: a divina e a humana; e (2) a defesa de uma heresia Mórmom acerca da existência humana -"Nós sempre existimos. No estado anterior, éramos invisíveis, mas mesmo assim já existíamos". Coríntios 15:46 refuta esta crença e deixa claro que a existência do homem é primeiro natural; depois espiritual".
Biografia:
Munroe era bacharel em Artes e Educação, belas Artes e Teologia pela Universidade Oral Roberts, grau de Mestre em Artes e Administração pela Universidade de Tulsa e doutor em honorário grau pela Oral Roberts Universidade. Em 1998, recebeu o prêmio de “Oficial do Imperio Britânico” (OBE), que foi outorgado pelo Rainha da Inglaterra e o prêmio Jubileu de Prata (SJA) do Governo de Bahamas, por sua contribuição ao crescimento e fortalecimento de Bahamas. Foi autor ou co-autor de mais de 100 livros, sendo 23 deles com ênfase na autoajuda e no encorajamento. Foi autor de "bíblias de estudo" e escrevia para diversas revistas e jornais.
Fonte: Genizah.

domingo, 26 de outubro de 2014

DILMA ROUSSEFF FOI REELEITA - CHEGOU A HORA DE DESCER DO PALANQUE!


Chegou a hora de descer do palanque e continuar lutando com os pés no chão e paz no coração. Pois, quer queiramos quer não, a realidade é essa que está posta. Ademais, em uma nação democrática devemos respeitar as escolhas, independente do que pensemos delas, devemos SEMPRE respeitar! Gostei muito da postura de Aécio em ligar pra Dilma - PROVA DE EQUILÍBRIO E MATURIDADE.
Democracia que se defina por uma monovisão da vida e das ideias NÃO É DEMOCRACIA, É DITADURA DO PENSAMENTO! Precisamos diagnosticar de modo imparcial e despidos de quaisquer preconceitos o fato de o Brasil estar dividido nessas eleições. Ofensas pessoais, xenofóbicas, sociais, intelectuais, raciais, político-partidárias...quais sejam elas, em nada irão somar neste momento. Acredito que o Brasil caminha AMADURECENDO e essa caminhada é irreversível. É só uma questão de tempo e paciência.
Quer queiramos quer não, a Presidente reeleita do Brasil é Dilma Rousseff. Agora é acompanhar seu segundo mandato como cidadãos brasileiros, mas também como fiscais da democracia e da lisura nos parlamentos e gestões desse país, pois não podemos ter uma visão de um lado que perdeu e outro que ganhou essas eleições, mas de que teremos que caminhar ao lado dos 50% mais 1% que decidiram pela reeleição da Presidente, embora não fosse isso que desejássemos, mas que virando a página dessa etapa de disputas eleitorais, começa um novo ciclo da vida da NAÇÃO TODA, e não de uma "banda da Nação". Portanto, urge a necessidade de exercermos a nossa cidadania despidos de paixões político-partidárias, mas revestidos de razão equilibrada e olhos clínicos que nos possibilite discernir o arcabouço do TODO em detrimento da parte traduzida pelos nossos interesses pessoais.
Deus proteja a nossa Nação Brasileira!
Henrique Coutinho.

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

VOTE SEM AGREDIR A SUA CONSCIÊNCIA.


Vote... você é livre... mas vote conhecendo todos os meandros e orquestrações que o PT projeta para implantar no Brasil. Aí, então, A DITADURA DEIXARÁ DE SER UMA TEORIA PRA VOCÊ para se tornar em algo, dolorosamente, prático! Não posso votar em um projeto de cerceamento da liberdade de imprensa, de expressão e do livre pensamento político, ideológico e religioso, bem como de legalização das drogas, do aborto, do sexo livre e libertino, do aparelhamento da máquina pública, da escravização dos famintos pela barriga sem lhes dar as condições intelectuais de se auto-sustentar, do jogo sujo e desumano da perpetuação no poder pelo poder a todo o custo de modo, visivelmente, umbilical ao contrario do que diz a Carta Magna que "TODO O PODER EMANA DO POVO, PELO POVO E PARA O POVO" - mas não acontece isso - pois o projeto da Ditadura Bolivariana sendo, sutilmente, implantada em nosso país, é de um "poder que emane de um grupo político-partidário, por ele e para ele". Por outro lado, vemos Aécio Neves representando aqueles que fizeram escola para o PT e companhia limitada. Sim, pois os que hoje são situação já foram oposição e aprenderam a fazer política com a antiga direita, mas com uma única diferença: a antiga direita não escancarava tanto as suas mazelas corruptas e corruptoras, já a atual situação que é o PT escancara pra quem quiser ver mantendo cativos os incautos que mordem a isca sem se aperceberem do poder do anzol que se encontra por baixo dela. A antiga direita não é ALTERNÂNCIA ALTERNATIVA, é só alternância... e isso não me satisfaz. Retrocesso, pra mim, é tanto quem deve implantar o antigo modus operandis com o nome e a maquiagem do pseudo-novo-modo-de-governar como tratar as questões e carências sociais como mera "moeda de troca" mantendo, assim, os ignorantes reféns dessa cultura que insiste em se perpetuar em nosso país que é essa "MENTALIDADE DO FAVOR POLÍTICO", essa "MENTALIDADE DA MENDICÂNCIA EXISTENCIAL". Isso é muito conveniente para quem pensa política a partir do velho modus operandis dos nossos colonizadores, qual seja: A VELHA E USUAL POLÍTICA DO DOMINADOR SOBRE O DOMINADO... só mudou a roupagem, mas a essência é a mesma! E, nisso, os dois lados que concorrem à vacância do cargo presidencial se coadunam. Portanto, VOTAR CONSCIENTE NÃO É, NECESSARIAMENTE, ESCOLHER CONFORME MINHA PAIXÃO VISCERAL POR ESSE OU POR AQUELE CANDIDATO, mas é ter a PLENA CONVICÇÃO de que minha escolha não seja uma escolha que AGRIDA, NUM FUTURO PRÓXIMO, A MINHA CONSCIÊNCIA!
Henrique Coutinho.

domingo, 26 de janeiro de 2014

LANÇAMENTO DO LIVRO 'PROTESTANTISMO, ESCRAVIDÃO E OS NEGROS NO BRASIL'.

QUERO CONVIDAR A TODOS OS MEUS LEITORES A PARTICIPAR DE UM IMPORTANTÍSSIMO EVENTO CULTURAL QUE ACONTECERÁ NA NOITE DE AUTÓGRAFOS, EM SALVADOR-BA, EM LANÇAMENTO DO LIVRO PROTESTANTISMO, ESCRAVIDÃO E OS NEGROS NO BRASIL DO AUTOR JOSÉ ROBERTO ALVES LOIOLA. SERÁ UMA EXPERIÊNCIA ÚNICA. AGUARDO TODOS VOCÊS. NÃO PERCAM!